‘Vamos lá, Bangu! Vocês podem fazer melhor’, diz deputado após massacres

Publicado por:

Publicado em :

Major Olímpio (SD-SP) publicou mensagem em rede social e fez ‘placar dos presídios’, em referência aos massacres em Manaus e Boa Vista, que vitimaram quase 100 presos.
major-olimpio
Publicação do deputado federal Major Olímpio (SD-SP) em rede social na qual faz placar com as mortes de presidiários em Manaus e Roraima (Foto: Reprodução/Facebook)

O deputado federal Major Olímpio (SD-SP) publicou em sua página pessoal no Facebook uma mensagem na qual “desafia” os presidiários do Complexo Penitenciário de Bangu, no Rio de Janeiro, a fazer rebeliões e massacres que superem as mortes que ocorreram nesta semana em presídios de Manaus (AM) e de Boa Vista (RR).
No início da semana passada, entre domingo (1º) e segunda (2), 56 presos morreram em uma rebelião no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, em Manaus. Outros 4 detentos foram mortos em outra penitenciária da capital amazonense.
Já em Boa Vista, 31 presidiários foram mortos na última sexta (6). De acordo com o secretário de Justiça e Cidadania, Uziel Castro, que foi ao local, não houve rebelião e a matança seria de responsabilidade de presos do Primeiro Comando da Capital (PCC) que estavam concentrados neste centro de detenção.
Na mensagem, o deputado do Solidariedade afirma: “Placar dos presídios: Manaus 56 x 30 Roraima. Vamos lá, Bangu! Vocês podem fazer melhor! #EuAcredito”.
A publicação tem mais de 6,8 mil compartilhamentos e mais de 23 mil curtidas. Nos comentários, há diversas pessoas que dizem concordar com o deputado e que pedem mais rebeliões em outros presídios.
“Major Olímpio, sensacional!! Precisamos de mais rebeliões dessas em 2017”, diz um usuário. “Vamos lá Major Olímpio, que começem as chacinas com 10, 20 mil mortes nas cadeias. Essas 30 mortes não fazem nem cócegas comparado ao tanto de cidadão bem que esses infelizes matam Brasil afora todos os dias”, afirma outro.
Procurado pelo G1, Major Olímpio disse que a postagem foi em tom “irônico” para dizer que quem manda nos presídios brasileiros são as organizações criminosas.

“Fui membro da CPI dos presídios no ano passado [na Câmara dos Deputados]. O governo literalmente usou os papeis da CPI para se limpar porque identificamos todo esse panorama, avisamos, e fizeram absolutamente nada. O ministro da Justiça [Alexandre de Moraes] está cansado de saber que isso acontece em todo o país e o governo federal não tem controle nenhum sobre o sistema prisional. [O texto] não é para incentivar a criminalidade, mas para mostrar a realidade dura e vergonhosa”, afirmou.
“O meu papel como legislador é manifestar o pensamento da sociedade. Antes eles que se matem sozinhos do que matem a população”, acrescentou o deputado federal.
‘Três vagabundos a menos’

Parlamentar de primeiro mandato, Major Olímpio recebeu 179 mil votos nas eleições de 2014. O deputado concorreu à prefeitura de São Paulo em 2016 e ficou em sexto lugar, com 2,02% dos votos válidos.
Ele já havia causado polêmica quando, em novembro do ano passado, fez elogios ao policial militar de São Paulo que trabalhava como motorista de Uber e matou três rapazes em uma tentativa de assalto.
No discurso, na tribuna da Câmara, o parlamentar disse que são “três vagabundos a menos” e “que o diabo os carregue mesmo”.
“No momento em que, em uma ação reflexa, ousada e preparada, o tenente Cavalcante reagiu a essa injusta agressão, baleou esses três bandidos e que o diabo os carregue mesmo, tinha que ter gol no Fantástico, três vagabundos a menos com a atitude do tenente Cavalcante”, discursou Major Olímpio, em tom exaltado.

Fonte: g1 df


Compartilhe esta notícia com os seus amigos


Comentários

Comentários